TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Análise de Desempenho

Por:   •  29/7/2020  •  Trabalho acadêmico  •  9.116 Palavras (37 Páginas)  •  13 Visualizações

Página 1 de 37

1. INTRODUÇÃO[pic 1]

As organizações utilizam recursos humanos, materiais, financeiros e tecnológicos para a produção de bens e serviços, gerando-se diferentes graus de rentabilidade. Em nível mundial, os recursos humanos constituem um fator chave para o alcance dos objetivos estratégicos.

Por este motivo, a importância da Gestão de pessoas, vai aumentando, devido ao fato das empresas requererem cada vez mais pessoal altamente qualificado e motivado para poder adaptar-se às constantes mudanças do ambiente.

É necessário reconhecer a importância que tem a capacitação e o desenvolvimento das pessoas como parte fundamental para o alcance das metas organizacionais, uma vez que as organizações só podem cumprir com os objetivos estabelecidos, na medida em que seu pessoal se desempenhe efetivamente; de maneira que seu conhecimento, destrezas, atitudes e comportamento conduzam ao êxito corporativo, devendo contar com uma força laboral capaz de aceitar a mudança e motivados a desenvolver-se continuamente.

O modelo ou perfil de competências traz para o treinamento e desenvolvimento uma série de métodos e técnicas que permitem fortalecer no individuo aquelas competências chaves para alcançar um excelente desempenho. A comparação entre o modelo desejado de competências e as competências que realmente possui o individuo realça o gap existente entre o desempenho atual e o que deveria ser, identificando as necessidades de capacitação, treinamento ou desenvolvimento a ser cobertas.

Conhecer quais são essas necessidades possibilita a empresa à oportunidade de fixar conceitos mais claros sobre aspectos específicos do conhecimento, a conduta, atitudes, habilidades, motivações, características de caráter, e destrezas envolvidas diretamente nas funções e tarefas que realiza o individuo em seu trabalho. Isto permitirá que os planos de treinamento e desenvolvimento que se elaborem persigam fins mais concretos obtendo resultados a curto e médio prazo.

A pesquisa mostra-se importante e atual. Importante, uma vez que o tema está ligado à competência da empresa e busca-se com essa implantação o seu aumento. E é atual, porque este é um tema que vem sendo abordado nas revistas e principais teóricos do assunto.

A pesquisa foi eminentemente bibliográfica e objetiva demonstrar que o modelo de Gestão por competências é um modelo que está antenado com as mais recentes descobertas em relações humanas e é um modelo que alcança resultados, sendo feito, também, entrevistas com os responsáveis pela área de Recursos Humanos e observação direta na empresa.

No primeiro capítulo, busca-se uma introdução à disciplina de recursos humanos, traçando seu conceito, sua evolução e objetivos. No segundo capítulo, aborda-se o modelo de Gestão por Competências, apresentando suas principais características e procedimentos, e finalmente, no terceiro capítulo, apresenta-se o case da Trefiladora como exemplificação dos resultados do uso do modelo de competência.


2. RECURSOS HUMANOS

Neste capítulo, pretende-se apresentar qual é a origem dos Recursos Humanos, qual é o seu conceito e quais são seus objetivos, com o fim de dar uma visão geral  da disciplina na qual se insere o tema tratado.

Atualmente existe uma tendência de valorização das pessoas no trabalho por meio da utilização da Gestão de Recursos Humanos. São as pessoas que trabalham na empresa que a representam, ou seja, a empresa não tem vida própria, ela é representada pelos diversos funcionários distribuídos em diferentes níveis. Esses funcionários devem estar conscientes da sua importância para o alcance dos objetivos organizacionais e devem conhecer como a organização interage no ambiente, influenciando e sendo influenciada pelos diversos públicos que o integram. Contudo, nem sempre foi assim.

  1. Dos primórdios Até os Dias de Hoje

A partir do momento em que houve a necessidade do auxílio de outro homem para desenvolver suas atividades, houve a exigência de administrar os esforços. Essa administração de esforços tinha o fim de aproveitar, ao máximo, a capacidade de cada um.

Segundo Chiavenato (2009 : 87), embora sempre houve na história a necessidade de se administrar recursos humanos, pense-se nas grandes obras romanas e nas pirâmides egípcias, este estudo traça sua origem quando esta área passa a ser estudada cientificamente. Assim, tem seu início com a Revolução Industrial no século XIX, na Inglaterra que provocou um aumento significativo de produtividade e traçou as bases do mundo industrial moderno. Como consequência, surgiu a necessidade de aprimoramento dos métodos que regulamentassem as relações de trabalho.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (62.4 Kb)   pdf (287.3 Kb)   docx (46.7 Kb)  
Continuar por mais 36 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com