TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

GERENCIAMENTO DO AMBIENTE - UM ESTUDO DE CASO SOBRE SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL EM DUAS EMPRESAS

Por:   •  2/6/2016  •  Trabalho acadêmico  •  4.506 Palavras (19 Páginas)  •  349 Visualizações

Página 1 de 19

GERENCIAMENTO DO AMBIENTE - UM ESTUDO DE CASO SOBRE SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL EM DUAS EMPRESAS DE SANTA CRUZ DO SUL/RS

Resumo

O propósito deste artigo é analisar as características que compõem o Sistema de Gestão Ambiental ou as atividades desta natureza que as empresas realizam. Para isso, sistematizou-se o referencial teórico acerca de conceitos necessários para o entendimento do tema, com a abordagem a respeito de certificações ISO e a necessidade de realizar a atividade laboral da empresa sem causar impactos no meio ambiente. Tendo em vista a grande importância dada a este assunto entre as empresas atualmente, foi realizado um estudo de caso em duas empresas de grande porte cujo as sedes são localizadas na cidade de Santa Cruz do Sul. Constatou-se que, independente de certificação, ambas são extremamente preocupadas com este assunto e procuram formas de controlar os aspectos. De maneira geral, verificou-se que não há uma forma correta ou específica para controle de aspectos relacionados à sustentabilidade ambiental, mas sim que cada empresa define sua estratégia e política a ser aplicada, desde que siga parâmetros pré-estabelecidos que visam a proteção do ambiente em que a empresa está inserida sem obviamente afetar na rentabilidade do negócio. Os apontamentos finais ressaltam a proximidade dos temas estudados com a prática, sendo de suma importância para o ambiente competitivo atual que as organizações façam a adoção de modelos de gestão voltados para os três âmbitos, social, econômico e ambiental, para que possam diferenciar-se no mercado.

Palavras-chave:

Gestão Ambiental, Sustentabilidade Ambiental, ISO, Métodos de Gestão.

  1. INTRODUÇÃO

Desde os primórdios da produção industrial e das atividades comerciais, a gestão fez-se presente de maneira intrínseca a todos os processos, sejam eles de quaisquer naturezas. Gestão, conforme Cardella (1999), pode ser considerada como a coordenação de esforços pessoais, a fim de atingir os objetivos de uma organização. Uma gestão eficaz e eficiente deve ser feita de modo que os objetivos e principalmente as necessidades das pessoas que estão envolvidas no processo, reflitam nos objetivos da organização a que estão relacionados. Com isso, cria-se a gestão organizacional, que, basicamente, é um conjunto de elementos que são relacionados entre si e interdependentes, utilizados no planejamento, operação e controle de todas as atividades que a empresa desempenha, visando atingir os objetivos da organização.

        Entretanto, somente nos últimos anos que um tema muito importante foi levado em consideração no que tange os modelos de gestão adotados pelas organizações, a Sustentabilidade Ambiental.

        O termo sustentabilidade ambiental diz respeito a necessidade das empresas de gerirem, de modo simultâneo, seus processos visando a garantia e satisfação dos aspectos econômicos tanto quanto dos aspectos ambientais, seja ele de qualquer tipo (PONTES, 2011). De maneira geral, sustentabilidade refere-se à ações e atividades que procuram suprir as necessidades atuais, sem comprometer o futuro das próximas gerações.

        Para isso, faz-se necessário a estruturação de um Sistema de Gestão Ambiental (SGA), ou ao menos voltado para ações ambientais. Segundo a Norma ISO 14001/2004, o SGA é a parte de um sistema de gestão de uma organização utilizada para desenvolver e implementar sua política ambiental e para gerenciar seus aspectos ambientais.

        A preocupação ambiental configura-se como um tema altamente debatido na sociedade, visto que as organizações são inteiramente responsáveis pela utilização que fazem dos aspectos ambientais que, se não controlados de maneira apropriada, podem gerar consequências e impactos ambientais. Para isso, as organizações devem utilizar-se da produção sustentável e a sustentabilidade, que visam aliar aspectos econômicos, sociais e ambientais.

        Este estudo irá avaliar as características e os métodos de controle da Gestão Ambiental em duas empresas de Santa Cruz do Sul/RS.

  1. REFERENCIAL TEÓRICO

No que diz respeito a Sustentabilidade Ambiental, a mesma se forma através da união de todas as áreas de uma organização, e esta, envolvem processos, indicadores, controle, entre outras tarefas e ferramentas de gestão que, juntamente aos valores ambientais, podem viabilizar a sustentabilidade dentro de uma empresa (XAVIER, et al, 2015). Acerca deste tema, envolvem-se diversos aspectos e assuntos específicos, os quais todos correlacionam-se de maneira à remeter aos processos de gestão utilizados pela empresa, que, neste caso, é denominado de Sistema de Gestão Ambiental (SGA).

...

Baixar como (para membros premium)  txt (34.1 Kb)   pdf (224 Kb)   docx (26.6 Kb)  
Continuar por mais 18 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com