TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

PESQUISA SOBRE O DESPERDÍCIO DE MATERIAIS DE CONSUMO NA CONCESSIONARIA DE VEÍCULOS HYUNDAI CAOA BRASILIA FILIAL GUARA-DF

Por:   •  17/9/2018  •  Artigo  •  5.471 Palavras (22 Páginas)  •  111 Visualizações

Página 1 de 22

ESCOLA SUPERIOR ABERTA DO BRASIL – ESAB

PESQUISA SOBRE O DESPERDÍCIO DE MATERIAIS DE CONSUMO NA CONCESSIONARIA DE VEÍCULOS HYUNDAI CAOA BRASILIA FILIAL GUARA-DF

Welinson do nascimento lima1

Resumo

Este estudo teve o objetivo de analisar os meios de gestão e controle de custos no departamento de pós-vendas da concessionária de veículos Hyundai Caoa filial Brasília, buscando alternativas para otimização dos processos de compras de materiais que geram custos desnecessários e consequentemente gerando desperdícios. Dentre os autores pesquisados para a constituição conceitual deste trabalho, destacaram-se Carvalho (2003), Martins (2003), Zanluca (2009), Wernke (2004) e Moretão(2009). A metodologia utilizada foi a pesquisa exploratória, com coleta de dados através de levantamento bibliográfico e pesquisa de campo. As conclusões mais relevantes são as de que o controle dos custos de materiais de consumo deve ser algo constante dentro da empresa, com incentivo a conscientização dos funcionários, buscando minimizar os desperdícios que geram redução dos lucros.

Palavras-chave: Custos. Controle. Desperdício. Materiais.

Introdução

A redução do desperdício de materiais de consumo é um elemento de grande relevância para a aplicação da gestão estratégica voltada para diminuição dos custos. As empresas, ao longo dos últimos anos dedicam cada vez mais atenção ao estudo das causas do tipo de custo referente ao desperdício, visando atingir melhores resultados através do controle de custos por meio da introdução de novas técnicas conforme literaturas sobre o tema, a saber: Carvalho (2003), Martins (2003) e Paiva (2004). A mensuração dos custos com o desperdício de materiais de consumo tem esbarrado na dificuldade de controle pelos responsáveis, devido a falta de mecanismos capazes de demonstrar a realidade completa dos mais variados setores das empresas, ate mesmo os de menor relevância.

1 Pós-graduando em Controladoria e finanças na Escola Superior Aberta do Brasil – ESAB. welinson08@hotmail.com.br

2

Fatores como esse estão presentes na literatura de Zanluca (2009), que permite entender a necessidade do controle de custos visando obter vantagens em relação a concorrência.

No cenário atual, uma das principais preocupações das empresas é controlar o estoque das mercadorias que serão comercializadas. Esse fator não está incorreto, pois o negócio é dependente dessas vendas, porém é cada vez maior a preocupação dos gestores com as causas dos custos desnecessários nos processos produtivos que geram prejuízos e consequente diminuição dos lucros. Pensando assim, Wernke (2004) em um de seus estudos, indica que é preciso estar atento ao prejuízo que os desperdícios podem causar as empresas. Um sistema organizado de controle de estoques de produtos a serem comercializados tem importância direta na manutenção da empresa no mercado. Porém, esse sistema não permite o controle dos materiais de consumos como os materiais de escritório, pois tais detalhes deixariam muito trabalhoso o processo de entrada e saída desses matérias, visto que relativamente tratam-se de valores pequenos. Contudo, uma breve pesquisa em períodos acumulados, demonstra que com o tempo, o montante acumulado tem grande relevância de valores, e que se esses gastos desnecessários fossem controlados poderiam gerar melhores resultados par a empresa.

A justificativa para a escolha do tema do artigo se baseia em demonstrar a necessidade do controle de materiais de consumo para as organizações, visando a diminuição de custos desnecessários, através do controle, levando em consideração suas reais necessidades. O tema abordado tem grande relevância para as empresas que buscam minimizar os custos desnecessários, possibilitando encontrar as falhas com o apontamento de soluções viáveis, como a criação de novos processos de controle.

O contexto visa demonstrar a importância do controle para uma empresa contribuindo para melhoria dos resultados. Como forma de demonstrar a relevância da diminuição dos custos com materiais de consumo, foi realizada uma pesquisa na concessionária de veículos Hyundai Caoa Brasília S.I.A, localizada na cidade satélite do Guará DF, onde foram relacionadas as compras de materiais de consumo mensais, com a real necessidade dos funcionários, que foram observadas através de pesquisa de dados e captação da opinião dos próprios funcionários envolvidos. Com isso, chegou-se ao objetivo geral que busca analisar os meios de gestão e controle de custos no departamento de pós-vendas da concessionária citada, buscando alternativas para melhoria dos processos de compras desses materiais de consumo que geram custos desnecessários devido ao desperdício. Para alcançar o objetivo, a metodologia utilizada caracterizou-se como exploratória, com coleta de dados por meio de pesquisa bibliográfica e de campo,

3

através da aplicação de questionário quantitativo com 5 perguntas fechadas direcionadas aos funcionários, além de uma questão aberta visando coletar opiniões e sugestões dos mesmos que são os envolvidos no processo.

1- Contexto histórico da gestão e o controle de custos

A gestão e contabilidade de custos assim como qualquer outro ramo da ciência tem seus aspectos históricos como forma de melhor compreende-la. De acordo com Santos (2009), a origem histórica da contabilidade de custos remonta ao período anterior ao capitalismo, quando surge a preocupação com o controle dos custos aplicados aos negócios. O objetivo era fornecer as informações quanto ao lucro ou prejuízo para os comerciantes, utilizando-se do confronto entre as receitas obtidas e as despesas realizadas pelo negócio, permitindo avaliar o crescimento ou não do empreendimento propriamente dito.

Nesse período, segundo Carvalho (2003), houve a necessidade pela busca de técnicas mais apuradas para a realização da apuração e controle dos custos, visto que as informações eram de grande relevância para os usuários externos, bem como para os investidores interessados em aplicar recursos em determinada empresa. A gestão e contabilidade de custos, acumula, organiza, analisa e interpreta os dados operacionais, físicos e os indicadores combinados no sentido de produzir, para os diversos níveis de administração e de operação, relatórios com informações de custos solicitadas, facilitando o entendimento e propiciando melhorias nas empresas.

2-Gestão

...

Baixar como (para membros premium)  txt (37.7 Kb)   pdf (90.5 Kb)   docx (27 Kb)  
Continuar por mais 21 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com