TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Qualidade nos Transportes: Qualidade em Sistemas Logísticos

Por:   •  17/2/2016  •  Trabalho acadêmico  •  2.778 Palavras (12 Páginas)  •  233 Visualizações

Página 1 de 12

CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE SÃOPAULO

UNIDADE CAMPO LIMPO

Logística 5°semestre

Qualidade em Sistemas Logísticos

Prof: Oriana

ATPS: etapas 1,2,3 e 4

                                                   

                                            Aluno: Adailtom Mauricio Menezes      RA: 3714686990

                                            Aluno: Bruno de Godoi Heilig               RA: 3748731827

                                            Aluno: Cristiane Borges de Andrade    RA: 1299906038      

                                            Aluno: Felipe de Jesus Jacinto             RA: 4252048017

                                            Aluno: Jonas Oliveira do Nascimento   RA: 3775773991

                                             Aluno: Rogerio Domiciano                     RA: 4617906344

São Paulo

2013

CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE SÃO PAULO UNIDADE CAMPO LIMPO TECNOLOGIA EM  LOGÍSTICA

LOGÍSTICA E FATORES DE COMPETITIVIDADE

Aluno: Adailtom Mauricio Menezes      RA: 3714686990

Aluno: Bruno de Godoi Heilig               RA: 3748731827

Aluno: Cristiane Borges de Andrade    RA: 1299906038

Aluno: Felipe de Jesus Jacinto             RA: 4252048017

Aluno: Jonas Oliveira do Nascimento   RA: 3775773991

Aluno: Rogerio Domiciano                     RA: 4617906344

Trabalho realizado com estudos e pesquisas como exigência para obtenção de nota parcial do 2º Bimestre de 2013, no curso estudado em Tecnologia em Logística no Centro Universitário Anhanguera de São Paulo – Campus Campo Limpo.

São Paulo

2013

Sumario

Introdução.................................................................................................................04

Desenvolvimento..................................................................................................05

Competitividade na regulamentação de transportes............................................07

Entrevista..................................................................................................................10

Transporte Aquaviário de Cargas...........................................................................12

Transporte  Ferroviário de Carga............................................................................13

Transporte Rodoviário de Cargas...........................................................................14

Considerações..........................................................................................................15

Conclusão.................................................................................................................16

Referências...............................................................................................................17


Introdução

O objetivo desta atividade (ATPS), desenvolvida pelo grupo através de pesquisas realizados em sites e artigos é abordarmos e compreendermos um pouco mais de conhecimento sobre os diferentes tipos de modais, a importância e o desenvolvimento de cada um, como: o transporte urbano e rodoviário de passageiros, e algumas características vantagens e desvantagens na utilização dos modais Aquaviário, Rodoviário, Ferroviário e Aéreo.

Desenvolvimento

Alguns aspectos das organizações e gestões dos funcionamentos dos sistemas de transportes urbanos contem uma diferenciação entre países, mas em linhas gerais, as responsabilidades das gestões são uma questão entre locais, já o Brasil segue algumas das tendências já efetivadas em outras regiões do mundo onde se obteve qualificações.

As organizações a nível local tem a dependência dos entendimentos de todas as esferas publicas e privadas que interagem dentro do transporte publico, sendo assim, na maioria dos casos fica a critério uma organização que defina e oriente cada uma das partes que contribuem ao transporte publico.

Dificilmente há existência de serviços de transportes públicos sem a participação dos recursos do estado para o financiamento dos sistemas e outras situações resultando em uma política em nível nacional, sendo assim, se utilizam uma maior participação de usuários ao financiamento dos sistemas de transportes visando levar a padrões mais socialmente adequados a contribuição da sociedade.

O transporte coletivo na França é de competência local podendo ser delegada entre municípios, as tarifas são impostas a um nível inferior ao de equilíbrio de custos por intervenção da política de controle de preços no plano nacional, os municípios são autorizados a gerar uma taxa de depósito de transporte que é calculada com base no total bruto de salários de empresas privadas e publicas com mais de dez empregados, porem a lei se limita em fixar taxas dessa contribuição com porcentagens variadas entre municípios conforme a quantidade de habitantes também.

Na Alemanha os serviços de transportes coletivos são divididos e administrados em vários níveis como, federal, regional e municipal criando a associação de transportes. A colaboração das empresas foram constituídas e voluntariadas passando o dever para a associação de transportes a missão de planejar e organizar o sistema impondo os horários e tarifas.

Existem alguns sistemas e equipamentos mais tecnológicos implantados nas técnicas e estratégias visando melhorar a qualidade e a produtividade nos transportes urbanos, desenvolvendo automações nas áreas operacionais e de manutenção, como exemplo é a venda de créditos usando um sistema de bilhetagem eletrônica, na programação de linhas, no controle de manutenção e revisões dos veículos, no controle de consumo de custos diariamente, no ambiente empresarial e relacionamento com seus usuários.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (19.5 Kb)   pdf (189.9 Kb)   docx (39.4 Kb)  
Continuar por mais 11 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com