TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Estudo Dirigido - Caso Chikatilo - PSICOLOGIA

Por:   •  29/9/2016  •  Trabalho acadêmico  •  744 Palavras (3 Páginas)  •  344 Visualizações

Página 1 de 3

Faculdade de Ciências Humanas e Exatas do Sertão do São Francisco

Bacharelado em Direito

(Aluno do 3º Período A)

Luciano José Marciano

Psicologia

Professora: Luciana Marinho

Belém do São Francisco

05 de abril de 2016

Estudo de Caso

Assassinos Pedófilos

Andrei Chikatilo ( O Assassino de Rostov )

1 - Dados do Contexto Social

Sociedade

Chikatilo, O Estripador de Rostov, era uma pessoa que se pode caracterizar como vítima de uma sociedade deteriorada pelas dificuldades impostas por um período de guerra, que teve sua formação de caráter fartamente influenciada pelos exemplos extremos de um misto de crueldade e necessidade extrema de sobrevivência

Estado

Extremamente deficitário por está envolvido num contexto de guerra e completo abandono do bem-estar social, principalmente com a grande escassez de alimentos na época de sua infância.

Em que aspecto o contexto social favoreceu a conduta criminosa?

Exemplos de violência, vividos em período de guerra, e de certo modo presenciar os horrores promovidos pelos alemães sem que fossem punidos como se espera de uma sociedade com um mínimo de humanidade, já que eram incentivados pelo regime nazista, favoreceram a formação de um caráter deturpado.

 

2 – Dados da história pessoal

Aspectos orgânicos

Chikatilo nasceu com hidrocefalia, o que para alguns foi determinante para explicar a motivação de seus atos, já que este fato estaria diretamente ligado aos seus distúrbios psicológicos, mas não se pode deixar de lado o fato dele ter dificuldades em manter relações sexuais por impotência, isto teria explicado o fato dele cometer atrocidades com os órgãos sexuais de suas vítimas.

 

Aspectos psicológicos

A influência da hidrocefalia, aliada com as experiências traumáticas de saber que seu irmão havia sido comido por pessoas famintas, apesar de não confirmado, ver seu pai após retornar de uma guerra ser tratado como traidor por haver sido capturado pelos inimigos e da impotência sexual, deixaram grandes marcas psicológicas em Chikatilo, suas condutas no cometimento de seus crimes deixavam claro os rastros de suas experiências e decepções pessoais, causando-lhe revolta por sua condição como homem e como ser humano privado de poder realizar seus anseios em sua totalidade, até porque ele teve esposa e filhos, sendo assim supõe-se que ele pelo menos tentou seguir uma vida normal considerando os padrões familiares, mas sua decepção sexual e sua falta de empatia com o sofrimento alheio, fruto do meio em que cresceu e formou seu caráter, fez com ele desse início a crimes que de certa forma saciavam seu desejo de ver sua dor e suas decepções refletidas em suas vítimas, como se estivesse fazendo uma justiça interna, revoltado com sua condição física e pessoal. Esta condição de Chikatilover o mundo tinha, logicamente, uma influência psicológica, por deturpação da realidade, mas não se dava por desconhecimento do certo e do errado, pelo contrário, Chikatilo era uma pessoa por muitos considerada inteligentíssima, afinal ele foi engenheiro telefônico e professor, era pessoa dota de conhecimento vasto e que planejava seus crimes com frieza, sabendo claramente o que fazia.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.2 Kb)   pdf (78.5 Kb)   docx (11.4 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com