TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Pedagogia Psicologia Da Aprendizagem

Artigo: Pedagogia Psicologia Da Aprendizagem. Pesquise 785.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  19/6/2013  •  1.726 Palavras (7 Páginas)  •  445 Visualizações

Página 1 de 7

A DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA NO MUNDO

Planeta Terra

Apesar de morarmos em um planeta que é composto em sua maior parte por água, sofremos com a escassez. Afinal, apenas cerca de 1% de toda a água do mundo está disponível para consumo. Veja os números:

A Terra possui 75% de sua superfície coberta por Água, onde:

- 97,5% são de água salgada, não potável;

- 1.97% é de água doce, na forma de geleiras (não disponíveis ao consumo humano);

- 0,51% é de água doce subterrânea, na forma de vapor (não disponível para uso imediato);

- 0,006% é de água doce disponível para consumo em rios e lagos, nos quais grande parte já se encontra poluída;

- 0,001% é de água existente na atmosfera.

(Fonte: Universidade da Água)

Distribuição de água no Brasil:

De acordo com dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), quase todos os municípios brasileiros tem serviço de abastecimento de água.

O brasileiro recebe em média 0,26 m3 (260 litros) de água per capita, média que variou bastante entre as regiões, na Região Sudeste, o volume distribuído alcançou média de 0,36 m3 per capita, enquanto que a região nordeste não chegou nem à metade, apresentando uma média de 0,17 m3 per capita.

A distribuição de água no conjunto dos 8656 distritos com rede geral é feita através de 30,58 milhões de ligações prediais, sendo que 25 milhões destas possuem medidores ( hidrômetros). A região Sudeste apresenta o mais alto índice de medição, com 91% das ligações medidas. O índice mais baixo se encontra na região Norte, com 37% de ligações medidas.

De acordo com o tratamento de água, 7,2% da água distribuída não recebe nenhum tipo de tratamento, inda hoje, distritos são abastecidos com água subterrânea, como nos estados do Pará ( 89%) e Rio Grande do Sul (75%), que, embora não tratada, pode ter boa qualidade. A região Norte apresenta um padrão diferente das demais regiões. No Nordeste, Sudeste, Sul e

Centro-Oeste, mais de 90% da água distribuída recebe algum tipo de tratamento, enquanto no Norte este percentual é de 67,6%.

A proporção da água distribuída com tratamento também varia de acordo com o tamanho da população dos municípios. Naqueles com mais de 100 000 habitantes, a água distribuída é quase totalmente tratada. Já nos municípios com menos de 20 000 habitantes, 32,1% do volume distribuído não recebe qualquer tipo de tratamento.

No Brasil, 75% do volume de água tratada distribuída sofre o processo convencional de tratamento, que usa operações de coagulação, sedimentação e filtração para clarificação da água, seguida de correção de PH, e desinfecção. A fluoretação, utilizada com o objetivo de reduzir a cárie dental nas populações, é praticada em 45,7% dos municípios brasileiros. Cerca de 70% dos municípios do Sul e do Sudeste trabalham com fluoretação; no Nordeste, 16,6% têm essa prática e no Norte, 7,8%.

O serviço de abastecimento de água é cobrado dos usuários em 81% dos distritos abastecidos, tendo como base o consumo medido ou estimado.

Características e Obstáculos do Saneamento Básico no Brasil.

Parâmetros de qualidade da água

A qualidade da água é avaliada de acordo com a concentração de substâncias denominados parâmetros de qualidade de água.

As concentrações destes parâmetros são importantes para a caracterização da água frente aos usos a que ela se destina.

Por exemplo, para ser bebida a água não pode ter uma concentração excessiva de sais.

Parâmetros

Temperatura

Salinidade

Oxigênio dissolvido (OD)

pH

DBO

Concentração de coliformes fecais

Concentração de metais pesados (Pb, Hg)

Concentração de nutrientes para algas (N, P) Etc.

Parâmetros conservativos

Parâmetros que não reagem, não alteram a sua concentração por processos físicos, químicos e biológicos, exceto a mistura.

Exemplo: sais

Parâmetros não conservativos

Reagem com o ambiente alterando a concentração.

Exemplo: DBO, temperatura, coliformes, OD

POLUIÇAO DA ÁGUA:

Poluição da água é a contaminação de corpos de água por elementos que podem ser nocivos ou prejudiciais aos organismos e plantas, assim como a atividade humana. O resultado da contaminação traduz-se como água poluída.

A água é poluída por um grande ramo de produtos, podendo ser dividida pelas suas características:

A Poluição pontual, onde o foco de poluição facilmente identificável como emissora de poluentes, como no caso de águas residuais, industriais, mistos ou de minas.

Como poluição difusa, onde não existe propriamente um foco definido de poluição, sendo a origem difusa, tal como acontece nas drenagens agrícolas, águas pluviais e escorrimento de lixeiras.

Os contaminantes, pode ser classificados como:

Agentes Quimicos

Orgânicos (biodegradaveis ou persistentes):Proteínas, gorduras, hidratos de carbono, Ceras, solventes entre outros.

Inorgânicos: Ácidos, alcoois, tóxicos, sais solúveis ou inertes.

Agentes fisicos

Radioatividade, Calor, Modificação do sistema terrestre, através de movimentação de terras ou similares.

Agentes Biológicos

As coliformes são um bioindicador normalmente utilizado na análise da qualidade microbiológica da água, embora não seja uma real causa de doenças. Outras vezes microrganismos encontrados nas águas de superfície, que têm causado problemas para a

...

Baixar como (para membros premium)  txt (11.7 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com