TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O Planejamento em Saúde

Por:   •  20/10/2018  •  Trabalho acadêmico  •  1.487 Palavras (6 Páginas)  •  37 Visualizações

Página 1 de 6

1-         O planejamento em saúde ele é fundamental para melhorar o desempenho da própria política de saúde, da efetividade dos serviços tendo em vista a gente promoção à saúde e não consigo imaginar um trabalho realizado sem a realização do planejamento.

Importância do planejamento está porque os problemas e as demandas da saúde são dinâmicas demais, então todo momento nós trabalhamos com indicadores de saúde que se conclui: monitorar, avaliar as ações que são realizadas e as ações que são implementadas para ver se  conseguimos alcançar os resultados aqui estão as propostas, e também para o próprio resultado gera um monitoramento  e uma avaliação. é preciso qualificar as ações do SUS, e só imagino a qualificação dessas ações a partir do processo de planejamento.

2-         Todo processo saúde aqui do município ele é realizado de maneira planejada, tanto no âmbito das coordenações, da gestão da secretaria onde nós realizamos mensalmente uma reunião com todos os coordenadores planejando cada um no âmbito de sua devida organização e um planejamento conjunto onde nós propomos as metas, nós propomos os objetivos a serem alcançados, baseado  no que o ministério nos pede, mas também baseado na realidade local  que nós sabemos da diversidade do país da questão dos problemas de saúde, cada território possui sua especificidade também ao planejamento local das equipes de saúde onde ela se planejam no seu local, mas também planejam junto com as coordenações. nos territórios todos planejam, os agentes comunitários de saúde, planeja a equipe que é composta por médico, enfermeiro, dentista, técnico em enfermagem, auxiliar de enfermagem, motorista, auxiliar de serviço, então todos os atores eles têm um papel fundamental no planejamento das ações.

Nós instituímos o processo de planejamento integrado, ou seja todos os equipamentos e todos os atores se contra uma vez por mês e nós realizamos esse planejamento integrado porque, um exemplo: eu tenho a equipe de saúde da família que precisa do CAPS para auxiliar na assistência em Saúde Mental, então nesse momento de reunião está o CAPS presente também, nós temos as ações farmacêuticas tem um momento da reunião de estar presente também a coordenação farmacêutica com os profissionais, então assim é um planejamento integrado que eu coloco todos os profissionais todas as coordenações e a gestão juntos para pensar e planejar como são as ações mensalmente de acordo com as prioridades e de acordo com as necessidades da população.

3-         Nós levamos em consideração o perfil epidemiológico local, levamos em consideração as demandas que surgem daquela comunidade, levamos em consideração os indicadores anteriormente atingidos, os objetivos e as solicitações da organização do Ministério da Saúde, levamos em consideração também as necessidades da população, que nós trabalhamos nessa gestão com a participação social, então muitas vezes é o que se pensa não é a necessidade. Nós trabalhamos com um planejamento de forma local que isso é muito importante levando em consideração as demandas da própria comunidade.

4-         Existe sim, nós trabalhamos com organograma de ações e serviços, e de quem executa, nós temos na organização da secretaria de saúde a gestão Central que é o secretário de saúde, nós temos as vigilâncias que são: as vigilâncias em saúde que é uma coordenação, que dentro dessa coordenação estão: a vigilância epidemiológica, sanitária, endemias e a imunização, a vigilância costumo dizer que ela é o coração e a cabeça de toda uma função organização de saúde, nós temos as coordenações do nasf, coordenação da atenção básica, coordenação do agente comunitário de saúde e temos também a coordenação de controle regulação, auditoria e temos a ouvidoria Municipal e a coordenação transporte, todas essas coordenações elas realizam um trabalho que se entrega para qualificar as ações prestadas no SUS, nós temos como controle: os indicadores e as metas estabelecidas que são formas também de controlar os serviços de saúde porque não podemos trabalhar de forma aleatória, então mensalmente nós temos que prestar conta de quantidade de consultas quantidade de ações de educação em saúde, quantidade de exames preventivos de visitas domiciliares, nós temos um sistema que é o E-SuS que são as informações que são transmitidas mensalmente, nós temos uma produção para prestar contas, nós temos 13 unidades, e já instalamos 8 unidades com prontuário eletrônico nos serviços, onde o paciente atendido, e tem um programa de controlar agendamento das consultas ficam armazenadas e são exportadas para o Ministério da Saúde, nós temos também as fichas, e lembrando que tudo isso, nós temos como o cartão dentro ficação do paciente, é o cartão único do SUS eu nós temos a identificação emprestando os contas mensalmente desse atendimento que não é feito de forma aleatória.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.2 Kb)   pdf (61.9 Kb)   docx (12.8 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com