TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO I EDUCAÇÃO INFANTIL

Por:   •  9/10/2020  •  Relatório de pesquisa  •  2.550 Palavras (11 Páginas)  •  24 Visualizações

Página 1 de 11

[pic 1]

Centro Universitário Leonardo Da Vinci

CHRISLLEI DOS SANTOS PINHO

BACHAREL EM EDUCAÇÃO FÍSICA

7º PERÍODO

[pic 2]

PROJETO DE ESTÁGIO:

ATIVIDADES FÍSICAS PARA OBESOS NA ACADEMIA COLISEU

TEIXEIRA DE FREITAS/BA

2020


SUMÁRIO

1 PARTE I: PESQUISA        3

1.1  ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: GRUPOS ESPECIAIS        3

 1.2 TEMA: ATIVIDADES FÍSICAS PARA OBESOS NA ACAD. COLISEU        3

1.3 OBJETIVOS        3

1.3.1 Objetivo Geral        3

1.3.2 Objetivos Específicos        4

1.4 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA DA PESQUISA............................................4

2 PARTE II: PROCEDIMENTOS DE ESTÁGIO        5

2.1 METODOLOGIA        5

2.2 CRONOGRAMA        9

REFERÊNCIAS        10

APENDICE        11

1 PARTE I: PESQUISA

  1. ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: GRUPOS ESPECIAIS

1.2 TEMA: ATIVIDADES FÍSICAS PARA OBESOS NA ACADEMIA COLISEU

O tema escolhido para ser o objeto desse projeto retrata a obesidade e o sobrepeso, que são fatores que constituem em uma baixa qualidade de vida. Diversas pessoas acometidas por esses fatores de risco procuram academias de ginastica e musculação, com a finalidade de diminuir o peso através de atividades físicas.

Reconhecida como um importante problema de saúde pela OMS ( Organização Mundial de Saúde, a obesidade vem assolando milhares de pessoas pelo mundo. Em países altamente desenvolvidos, como no EUA por exemplo, ela é bastante prevalecente. Segundo Silva, et. All, (2014), no Brasil, quase metade dos adultos apresenta excesso de peso.

Não é segredo para ninguém que a obesidade e o sobrepeso podem causar uma série de males para a saúde, pois o excesso de gordura traz consequências muitas vezes irreversíveis.

Em muitos casos a prática de atividades físicas regulares é altamente recomendada, pois ajuda a diminuir o peso, melhorando a respiração, a circulação, a mobilidade, etc., combatendo doenças causadas pela obesidade e ofertando uma série de benefícios aos praticantes.

Esse projeto de intervenção, que visa o retorno das atividades da academia Coliseu, após passar a pandemia do COVID 19, será ofertado aos alunos que se encontram com sobre peso e obesos, onde serão realizadas práticas corporais favoráveis e hábitos saudáveis.

1.3 OBJETIVOS

1.3.1 Objetivo Geral

  • Fortalecer a promoção da saúde dos obesos através da prática de atividades físicas regulares..

1.3.2 Objetivos Específicos

  • Avaliar as condições físicas dos alunos obesos;
  • Proporcionar e incentivar práticas de atividades físicas especifica para os alunos obesos;
  • Aumentar o nível de atividade física dos alunos obesos.

1. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA DA PESQUISA

A cada dia que passa pode-se observar que o numero de pessoas obesas e com sobre peso vem aumentando substancialmente. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, hoje somam em torno de 250 milhões em todo mundo.

Várias pesquisas realizadas por esse mesmo instituto apontam dados de grande elevação da quantidade de obesos, o que vem causando grande preocupação, pois existem várias doenças relacionadas a obesidade como, auto estima baixa, problemas ortopédicos, infecções respiratórias e de pele, cirrose hepática por excesso de gordura no fígado, pressão alta, colesterol elevado, diabetes, enfim, uma série de enfermidades que podem levar a morte.

A obesidade não discrimina, crianças, adolescentes e adultos, em todas as faixas etárias são vitimas desse fator de risco, sendo que umas das faixas mais atingidas são os adolescentes, principalmente por estarem sofrendo de frequentes alterações corporais e hormonais.

Doenças decorrentes da obesidade que eram características de adultos, passam a ser diagnosticadas em crianças e adolescentes como o aparecimento precoce da hipertensão arterial, dislipidemias, aumento da ocorrência da diabetes tipo 2, distúrbios na esfera emocional, além de comprometer a postura e causar alterações no aparelho locomotor.( ENES e SLATER, 2010,p.165).

De acordo com Franchisci et. al (2000), Guedes e Guedes (2003), Enes e Slater ( 2010) e Nahas (2003), as principais causas da obesidade são: Hábitos alimentares inadequados e a falta de atividade física.

Para se determinar uma situação de obesidade a OMS – Organização Mundial de saúde recomenda a utilização no cálculo onde o índice de massa corporal é divido pelo quadrado da altura do individuo (Kg/m²), que determinará o nível de gordura ou índice de “Quetelet”, bastante utilizado para avaliação em adultos, adolescentes e crianças.

Outra forma importante de determinar o grau de acumulo de gordura corporal e a circunferência da cintura, considerado como um dos melhores métodos para estimar a gordura visceral em adolescentes, considerando que o risco de doenças é maior para as pessoas que acumulam gordura na região abdominal (central), em volta das vísceras aumentando o risco de doenças cardiovasculares, diabetes e vários tipos de câncer. (NAHAS, 2003).

Conforme Enes e Slater (2010), várias são as evidencias que as atividades físicas praticadas regularmente ajudam a prevenir muitas doenças e principalmente a obesidade, mas o que vemos hoje é uma total inatividade, por boa parte da população, que trocam práticas esportivas pela televisão, computador, etc, adquirindo assim hábitos cada vez mais sedentários, engordando a fila dos obesos e comprometendo a qualidade de vida.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (18.4 Kb)   pdf (222.8 Kb)   docx (133.1 Kb)  
Continuar por mais 10 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com