TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Curso de Licenciatura em Pedagogia Avaliação à Distância

Por:   •  12/3/2019  •  Trabalho acadêmico  •  617 Palavras (3 Páginas)  •  9 Visualizações

Página 1 de 3

Fundação Centro de Ciências e Educação a Distância do Estado do Rio de Janeiro Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Curso de Licenciatura em Pedagogia Avaliação à Distância 1 – AD1/ 2019-1 Disciplina: Alfabetização 2

Articulador Acadêmico: Stella Maris Moura de Macedo

Nome: Priscila Baldez Gonçalves

Matrícula: 18212080351

Polo: Três Rios

Resumo do texto: As Muitas Facetas da Alfabetização

O texto inicia nos fazendo refletir sobre índices apresentados em relação ao fracasso da alfabetização no Brasil e suas possíveis causas. Ela argumenta sobre as pesquisas já aplicadas e não conclusivas buscam explicações ora no aluno, ora no professor, ora no método didático, e ora no contexto social. Afirma que o contexto de alfabetização é complexo e as muitas perspectivas precisam de uma revisão. Esse estudo estará nos norteando apenas de uma parte da alfabetização, nos fazendo compreender melhor seus conceitos e aplicabilidade.

No conceito de alfabetização a autora nos refletir que alfabetizar é o processo de representar fonemas em grafemas ou seja ler e escrever o código da língua porém não de forma mecânica, mas é também compreender o significado do que se lê e escreve. O processo de alfabetização também deve compreender também características sociais, culturais, econômicas e tecnológicas, é importante considerar essas características que variam de criança para criança.

Dentro do processo de alfabetização podemos entender que há um conjunto de habilidades a serem considerados e com multiplicidade de facetas a serem consideradas. Essas facetas serão apresentadas abaixo sobre quatro perspectivas, cada uma sendo estudas por profissionais diferentes que nos trazem conhecimentos mais abrangentes sobre as habilidades.

        A perspectiva psicológica que é tem dominado os seu estudos pelo fato de analisar os processos psicológicos relacionado a processo de alfabetização. Essa perspectiva nos dias atuais está voltada para a área cognitiva. Ela atribuía o fracasso escolar ao “dom” relacionando as disfunções psiconeurológicas. Essa perspectiva  compreende o processo de sucesso ou fracasso da alfabetização ao estágio de compreensão em que a criança vai estar.

        A perspectiva psicolingüística tem suas raízes de estudos voltadas a maturidade lingüística da criança para a essa possa aprender. Ela vai se interessar pela compreensão da linguagem, pela relação entre linguagem e memória ( visual e não visual).

        Sob a perspectiva sociolingüísticas teremos abordagens relacionadas a língua e suas variedades sociais. Muito pouco utilizado no Brasil, esse método enfrenta um problema que é o dialeto caracterizado por uma determinada região ou sociedade, bem como variação social e cultural que cada criança traz consigo, o que estabelece uma distância entre a língua oral e a escrita. O processo de alfabetização sob essa perspectiva é muito variável e não decorre da mesma maneira em todas as regiões.

        Vamos falar sob as perspectiva lingüística, neste processo a alfabetização se dá através da fala para escrita, ou seja, a forma sonora (fala) para forma gráfica (escrita).

...

Baixar como (para membros premium)  txt (4 Kb)   pdf (107.7 Kb)   docx (8.5 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com